Peelings químicos

  • Peelings Químicos consiste na aplicação de máscaras faciais ,compostas por um ou mais ácidos, que ao serem aplicadas na pele promovem esfoliação química e destruição controlada das camadas mais externas da pele, estimulando  renovação celular. Os peelings podem ser superficiais, médios ou profundos.
  • Podem ser utilizadas várias substâncias químicas para o tratamento de acordo com a necessidade de cada paciente.
  • Exemplo:
    • Manchas: Espanhol , Cosmelan ; Mandélico + Fitico;
    • Acne: Mandélico + Fitico; Retinoico, Glicolico, Salicilico;
    • Rejuvenescimento: Acido Retinóico; Glicólico
    • Rosácea: Gluco Peel;
    • Clareamento Virilha/Axila: Melaslow;
    • Olheiras: Flor de lotus;
    • Melasma: Golden Peel ou Cosmelan

Tipos de peeling:

 

  • Retinóico – é uma substância derivada da vitamina A e um dos compostos mais estudados para tratamento tópico do envelhecimento cutâneo. Capaz de atuar tanto no envelhecimento intrínseco (determinado geneticamente), ou no extrínseco (causado pela exposição solar).
  • Espanhol – é uma combinação de vários ácidos extremamente eficaz para reduzir a hiperpigmentação e envelhecimento.  Sua ação despigmentante é indicada para eliminar, ou atenuar, as manchas de origem melânica no rosto.
  • Cosmelan: O Cosmelan  atua ao nível das células responsáveis pela coloração da pele, parando a produção de cor nas zonas onde esta é excessiva, conseguindo assim eliminar, ou atenuar, as manchas inestéticas.
  • Glicólico:  substância derivada da cana de açúcar, tem alto poder de penetração devido ao baixo peso molecular.  Atua na prevenção/reversão do envelhecimento, hipercromias e cicatrizes de acne.

entre em contato